Terça, 05 de Março de 2024
13 996023518
Cidades SAÚDE ANIMAL

Santa Pataa - Bertioga ganha instituto para pets de famílias de baixa renda

Projeto está localizado na Av. Ayrton Senna da Silva, 113 e funciona de segunda a sexta-feira das 9 às 18 horas. Espaço atenderá todos os públicos e tem o objetivo de criar parceria com clinicas veterinárias

03/04/2023 21h21 Atualizada há 11 meses
721
Por: Redação Fonte: Gisleyne Cezário
Santa Pataa - Bertioga ganha instituto para pets de famílias de baixa renda

"Amor e respeito para todas as formas de vida”. Com essa missão, o “Santa Pataa” chega a Bertioga com a responsabilidade de atender os “pets”, oferecendo descontos de até 50% as famílias de baixa renda do município. Para obter os descontos nos atendimentos veterinários, as famílias deverão apresentar o CadÚNICO. 

A inauguração do novo espaço aconteceu no último sábado (01), com a presença de autoridades políticas, membros de entidades e protetores de animais. O público conferiu o espaço IAA (Intervenção Assistida por Animais), onde será possível atender não só com a psicologia, mas também fisioterapia, fonoaudiologia, educação e até mesmo saúde porque, embora sejam planos futuros, existe a ideia de oferecer atendimento odontológico para pessoas com fobias entre muitas outras possibilidades.

Ainda no espaço há um posto de coleta de doações (itens para humanos e animais) que serve também para a entrega destes itens às famílias necessitadas.

Na oportunidade, o Instituto ofereceu aos presentes a experiência da parceria entre um animal de assistência, Zoe, uma cã-guia, e sua condutora Erséa, portadora de deficiência visual total, que foi beneficiada pelo Instituto Magnus. Uma experiência incrível que nossa reportagem teve a grata oportunidade de participar.  

“Nosso maior objetivo é dar oportunidade para famílias de baixa renda poderem oferece os cuidados mínimos aos seus pets. O Santa Pataa já é um projeto diferenciado. Nosso maior diferencial é a nossa estrutura, pois sabemos que poucas podem contar com os equipamentos que temos e com a gama de especialistas que compõem a nossa equipe”, comentou a idealizadora do projeto Paula de Almeida. 

Paula ainda frisa: “Nossa ideia não é ser concorrente das clínicas veterinárias é atender principalmente aqueles que não tem condições de obter o mínimo de atendimento para seus animais.  Nosso objetivo é ter as clínicas como nossos parceiros”, lembrou.

Cães de assistência

Em um futuro próximo, Paula ainda destaca o desejo de formar cães de assistência como: cães alerta de crises epilépticas, alertas de hipóteses e hiperglicemia, suporte emocional, auxiliar de cadeirante e até mesmo, embora mais distante, formar cães guias. "Hoje já formamos cães de intervenção operacional como os de guarda (policial) e de faro", conclui. 

ATENDIMENTO

Os atendimentos serão realizados mediante a apresentação do documento “CADÚnico”. Inicialmente serão oferecidas cinco senhas pela manhã (a partir das 9 horas) e cinco senhas a tarde ( a partir das 14horas). As senhas serão liberadas por ordem de chegada. Casos de urgência e emergências terão prioridade na fila.  

SERVIÇOS

O novo espaço oferecerá os serviços de atendimento clínico, medicações injetáveis, exames de imagem (raio x, ultrassom, Eletro e ecocardiograma), exames laboratoriais básicos e testes rápidos, consultas de especialistas. 

Nas Intervenções Assistidas por Animais (IAA) serão disponibilizados atendimentos ao Instituto Indigo e APAE, com planos futuros de atender também ao público pagante e de baixa renda. “Nosso trabalho iniciou atendendo outras instituições (APAE e Instituto Indigo). Temos ainda planos de trazer outros profissionais para atendimentos que podem se beneficiar dos animais de terapia para o maior sucesso da conduta, como: fisioterapeuta, fonoaudiólogos, nutricionistas, médicos, entre outros”, afirmou Paula. 

Compareceram ao evento a advogada e ex-secretária de Habitação, Lucilia Goulart, o ex-presidente do Morada da Praia, Gerson Trentino e os vereadores, Taciano Goulart,  Renata Barreiro, Ney Lyra e Matheus Rodrigues. 

Como fazer para se inscrever no Cadastro Único em Bertioga

O município promove visitas domiciliares às famílias de baixa renda periodicamente para efetuar o cadastramento. As devem procurar um CRAS – Centro de Referência em Assistência Social em Bertioga e solicitar o cadastramento.

Quem deve estar inscrito no Cadastro Único

Devem estar cadastradas as famílias de baixa renda:

- Que ganham até meio salário-mínimo por pessoa; ou

- Que ganham até 3 salários-mínimos de renda mensal total

Telefones

3313-1401 CRAS Chácaras

3316-1272 CRAS Vicente de Carvalho 

Apoio e parceiros

O Santa Pata conta com os seguintes parceiros: Fórmula Natural Anclivet, Agener, Finpet e Grupo Zilma. Além dos apoiadores: São Pedro, José Gomes Empreiteiro, Sr Clebio Empreiteiro,Elétrica Autora, Neto Aterro, Ética, Limpex, J. Ísis Pet Boutique e Top Clean Lava Rápido. E também dos apoios: Sr. Coxinha,  Dona Abobrinha, 4 Ases, Gordo das Frutas e Bella Casa.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias