vasconcelos-corretor
camara
morada-03
Contabilidade Fácil
CEA_Prancheta 1

Morre a cadela “Gringa” muito amada e querida por todos os comerciantes da região Central de Bertioga

Causa Animal Cidades Destaque

Comerciantes homenageiam a cadela que era muito dócil, meiga e recebia os cuidados de todos que a conheciam

A cachorra ‘Gringa’ tinha o hábito de fazer o mesmo trajeto do antigo dono: Seguia do Centro até o Sesc. Desde que ele faleceu, essa era a rotina da cachorrinha que era querida pelos comerciantes da Região Central do Município, próximo ao Semáforo, na Avenida Anchieta.

Gringa não tinha dono, mas era querida e cuidada por todos que estavam a sua volta. Quem conta a nossa reportagem sua história é a Claudia, uma apaixonada por animais e pela Gringa.

“Gringa tinha um olhar meigo, era dócil e muito comportada. De manhã ela chegava na Padaria ‘Quatro Ases’ e ganhava dois pãezinhos. Depois, seguia para a loja de roupas “Praia &Cia” e saboreava os alimentos quietinha, sem perturbar ninguém”, conta.

Na loja de roupas, ela também ganhava alguns mimos, como água e alimentos para sua sobrevivência ao longo do dia. Depois “a noitinha”, a Gringa seguia até o Posto Ipiranga, onde Claudia trabalha e – ficava lá onde também recebia muitos cuidados.

“Ela dormia no Posto, fazia companhia para o frentista que trabalha de madrugada. Gringa também ia até o ‘Pastel Bertioga’ e ganhava muito carinho das meninas que trabalham lá, inclusive elas também se emocionaram muito com a perda da Gringa na noite do último sábado (09),” salienta Claudia.

Gringa foi atropelada na Avenida Anchieta, próximo ao semáforo. Todos os comerciantes daquela região ficaram revoltados e sentiram com a perda do animal, que era tão querido por todos.


Inclusive, a Gringa também era muito querida pela ‘Stillus Calçados’, onde as vezes também dormia e também tinha muitos amigos lá na Poupafarma.

“Uma perda muito triste. Estamos todos muito abalados e revoltados com a morte da nossa amiga, Gringa, que agora está fazendo companhia ao seu antigo dono. Descanse em paz, nossa querida Gringa”, finaliza Cláudia e tantos outros comerciantes, homenageando a cachorrinha tão querida por todos.

Gringa era realmente muito querida por todos. Não sabemos o número exato de “anjos cuidadores da nossa amiga Gringa”.

Você sabia que é crime atropelar animais?


O prefeito de São Paulo, Ricardo Nunes (MDB), sancionou no último dia 21 de agosto uma lei que torna obrigatória a prestação de socorro a animais atropelados na cidade pelos motoristas responsáveis pelo acidente.

A Lei nº 17.619, aprovada pela Câmara Municipal no dia 16 de julho, foi sancionada pelo prefeito com veto a dois artigos que falavam sobre a penalização dos infratores.

Os artigos 3º e 4º propunham multa no valor de R$ 1 mil, que poderia ser convertida em R$ 2 mil, caso o motorista descumprisse a lei mais de uma vez. Dessa quantia, no mínimo 50% seria destinada a instituições protetoras de animais cadastradas no município.

Sem a penalização financeira, atropelamentos em que o motorista ou o passageiro do veículo deixem de prestar socorro ao animal serão considerados apenas infração administrativa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *