vasconcelos-corretor
morada-03
CEA_Prancheta 1
Contabilidade Fácil
camara

Portuários de Santos, Cubatão e Guarujá começam a ser vacinados contra Covid-19 nesta terça-feira

Brasil Destaque Saúde
Público será vacinado ao longo da semana, com doses do imunizante Oxford/AstraZeneca.

As prefeitura de Santos, Guarujá e Cubatão (SP) iniciam, nesta terça-feira (1º), a vacinação de trabalhadores portuários contra a Covid-19. Cada cidade tem um esquema diferente para imunizar o público.

Guarujá já havia anunciado a vacinação deste público. A vacinação será realizada no Ginásio Guaibê, que fica na Avenida Santos Dumont, 420, no bairro Santo Antônio. As doses serão aplicadas das 8h às 16h na quadra e das 9h às 15h no estacionamento, com sistema drive-thru.

Em Cubatão, um posto ficará disponível no Parque Anilinas (Av. Nove de Abril, s/nº), das 9h às 15h, para receber os 48 trabalhadores portuários que atuam em indústrias da cidade. De acordo com a prefeitura, não haverá distinção de idade. É preciso levar documento de identificação com foto e outro que comprove exercício da fundação de trabalhador portuário.

Já em Santos, o esquema foi montado de forma diferente. Nesta terça-feira, os trabalhadores avulsos e operadores portuários que tem idade entre 50 e 60 anos, poderão receber a primeira dose do imunizante. Na quarta-feira (2), é a vez daqueles que tem entre 43 e 49 anos, e quinta-feira (3), será a faixa de 36 a 42 anos. Em todos os dias, eles poderão comparecer ao Santos Convention Center (Praça Almirante Gago Coutinho, 29, na Ponta da Praia) das 9h às 15h.

Os que atuam na Autoridade Portuária, receberão as doses da seguinte forma: terça-feira, para quem tem entre 55 e 59 anos; quarta-feira, para os de 50 a 54 anos; quinta-feira, de 45 a 49 anos; sexta-feira (5), de 40 a 44 anos, e sábado (6), de 35 a 39 anos. Esse público poderá se dirigir a um posto, montado na sede da SPA, (Avenida Conselheiro Rodrigues Alves s/nº, Macuco), das 9h às 15h.

Para esse público, foram destinadas mais de 11 mil doses da vacina Oxford/AstraZeneca. O portuário precisa levar documento com foto e CPF para receber o imunizante. O esquema de vacinação foi montado com base em listas enviadas pela Autoridade Portuária, Ogmo e Sindicato dos Operadores Portuários (Sopesp). Só será vacinado aqueles que estiverem com o nome nas listas, que estarão disponíveis nos dois locais de vacinação.

Caso o trabalhador não tenha o nome incluído na lista, terá de procurar o Ogmo (no caso dos avulsos) ou o departamento de recursos humanos da empresa onde exerce a atividade. De acordo com a administração municipal, os portuários com idade abaixo de 35 anos serão contemplados quando o Governo do Estado enviar mais doses de vacina para a cidade.

FONTE: G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *